Total de visualizações de página

Quer sua Biografia aqui = escreva a sua e envie pelo contato que se encontra em baixo. 

R

R-Sertaneja sempre ligada a Melhor Rádio de se Ouvir.

terça-feira, 20 de maio de 2014

IRMÃS ROCHA

IRMÃS ROCHA
(Gina, Cidinha e Wandinha).

Pouco se sabe sobre a jornada artística das “IRMÃS ROCHA” (Genair, Aparecida & Wandinha). Existem poucos registros sobre essas intérpretes goianas, que no final da década de 50 e início da década de 60 ocuparam posição de destaque na popularidade e na vendagem de discos.
A Gravadora Califórnia acreditou no seu potencial artístico e as convidou para integrarem o Cast daquele conceituado selo que abrigava outros famosos artistas que ali começaram a sua gloriosa caminhada na busca de um lugar ao sol através da apreciação de um imenso número de fãs, admiradores e amigos. 
A Gravadora do Mário Vieira (CALIFÓRNIA) deu oportunidades para o início da carreira de vários artistas goianos, paulistas, mineiros, matogrossenses  etc., que encararam o desafio de vencer, e venceram, no exercício da arte de interpretar músicas sertanejas.


Dentre os artistas que receberam um voto de confiança da Califórnia, ali deram o seu primeiro passo e, mais tarde se tornaram nomes nacionalmente conhecidos pelo nosso Brasil imenso, eu posso citar alguns: Praião e Prainha, Trio da Vitória, Milionário e Zé Rico, Os Filhos de Goiás, Silveira e Silveirinha, Delio e Delinha, Osmano e Manito. Sinval e Dalmy, Irmãs Rocha e muitos, muitos outros.
Tive o prazer de conhecer pessoalmente as Irmãs Rocha e de conviver com essa amizade por todo o tempo em que elas estiveram na ativa. Pessoas humildes, de poucos recursos materiais, mas, ricas em sensibilidade, simplicidade e, carisma pessoal.
Logo após a sua primeira gravação foram reconhecidas como grandes intérpretes da autêntica música nossa, e, suas músicas se tornaram sucesso em várias regiões do Brasil.
Infelizmente, uma das integrantes originais das Irmãs Rocha (Genair), faleceu ainda muito jovem, quando o Brasil começava a se manifestar sobre o reconhecimento da grandiosidade de suas interpretações, com um longo e promissor caminho á percorrer semeando sucessos.
O Trio prosseguiu por mais algum tempo com a participação de outro membro da família (Tia) Rochamas durou pouco tempo, gravou mais um ou dois discos e encerrou suas atividades artísticas definitivamente.
Esta postagem do Blog do Marrequinho representa um preito de reconhecimento e de gratidão por tudo o que essas autênticas intérpretes goianas acrescentaram à música sertaneja brasileira.


Marly e Marlety
São duas irmãs, somos uma dupla sertaneja, somos filhas de lavradores.
Eramos muito pobres, mas nossa paixão sempre foi cantar.
Começamos a cantar com 5 anos de idade e nossa carreira começou no Paraná. Nosso primeiro show foi em santo Antônio do palmital - PR e dali em diante, seguimos em frente e não paramos de cantar.
Fomos cantar em todas as rádios do Paraná e de lá viemos para São Paulo para gravar nosso primeiro cd em 1986, mas infelizmente as coisas não foram tão fáceis. Assim, chegando aqui alugamos uma casa e não sabíamos que tinha risco de enchente no local, perdemos tudo.
Dali tivemos que trabalhar bastante, muito duro para conseguir tudo de novo e depois de todo esse tempo é que conseguimos realizar nosso sonho .
Essa é uma parte de nossa historia.
Desde já agradecemos o carinho de todos os nossos fãs

Nenhum comentário:

Postar um comentário