Total de visualizações de página

Quer sua Biografia aqui = escreva a sua e envie pelo contato que se encontra em baixo. 

R

R-Sertaneja sempre ligada a Melhor Rádio de se Ouvir.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

06/02/12 Tibagi e Miltinho


Tibagi e Miltinho
Oscar Rosa, o Tibaginasceu em São Paulo-SP no dia 30/06/1927; Hilton Rodrigues dos Santos, oMiltinho, nasceu em Goiânia-GO no dia 02/05/1941.
Tibagi formou de iníciouma dupla com Zé Mariano: a dupla "Zé Mariano e Tibagi", que gravouna Colúmbia três Discos 78 RPM, entre 1954 e 1956, com destaque para a Toada"Santa Cruz Da Serra" (Benedito Seviero - Biguá - TeddyVieira).
Logo depois, Tibagiformou dupla com Pirassununga, com quem gravou em 1959 na RGE um único disco78 RPM (10.186) com o Xote "Peão de Minas" (Zé Claudino - AnacletoRosas Jr.) e a Canção Rancheira, "Falsos Carinhos" (Benedito Seviero- Pirassununga).


Lembrarque Pirassununga foi o primeiro nome artístico adotado peloCompositor Oswaldo Franco, que também adotou o nome artísticode Junqueira, até que, a partir de 1968, ele adotou o nome artísticode Dino Franco pelo qual é conhecido até os dias de hoje.
O nome artísticoescolhido por Oscar Rosa foi a homenagem à cidade homônima no Interior do Estadodo Paraná.
Hilton, por outro lado,estreou profissionalmente quando contava 17 anos de idade, com seu estiloromântico, interpretando músicas em castelhano, na Rádio Nacional deBrasília-DF, cidade que, como se sabe, teve sua construção iniciada 4 anosantes de sua inauguração em 1960.

Formou dupla com diversosparceiros até 1959 quando se mudou para a Capital Paulista.
E foi em 1960 naPaulicéia Desvairada que Tibagi e Miltinho se conheceram e formaram a novadupla.
No mesmo ano, Tibagi eMiltinho lançaram seu primeiro disco 78 RPM, pelo selo Sertanejo, com aguarânia "Sonho de Amor" (Benedito Seviero - Teddy Vieira) e a cançãorancheira "Sem Teu Amor" ( Goiá - ComendadorBiguá).
Em 1961, gravaram o tango"Taça da Saudade" (Miltinho - Benedito Seviero) e a rancheira"Amargura" (Miltinho - Benedito Seviero - Zeza Dias). No ano seguintea dupla gravou a rancheira "Teu Casamento" (Salas - SebastiãoFerreira da Silva) e o huapango "Despedida" (Sebastião Vitor).
Conforme já foimencionado na página dedicada a Pedro Bento e Zé da Estrada, a MúsicaFolclórica de outros países latinos também influenciou nossos ritmos, como porexemplo, a Guarânia Paraguaia que influenciou os ritmos de composiçõesde Nhô Pai e Mário Zan e, também não podemos deixar de mencionar,as diversas Guarânias Paraguaias, com versões para a Língua Portuguesa feitaspor José Fortuna e que estouraram nas paradas de sucesso nas vozesde Cascatinha e Inhana.
Nessa fusão deculturas, Pedro Bento e Zé da Estrada, com seus trajes típicos e oscaracterísticos "Sombreiros Mexicanos", fizeram, sem sombra dedúvidas, um "casamento harmonioso" da Música Caipira Brasileira com aMúsica Mexicana dos Mariachis (conjuntos típicos formados por 8 a 12 pessoas,com Cantadores, Violões, Trompetes e Chitarrones, que interpretam a MúsicaFolclórica nas ruas de diversas cidades mexicanas, em ritmos tais como a CançãoRancheira e o Huapango).
Características Mexicanascomo a instrumentação (uso de trompetes, por exemplo) e os "gritinhos dosMariachis" (Ai, Ai, Ai... Hui, Hui, Hui...), bastante comuns nasinterpretações do mexicano Miguel Aceves Mejia, harmonizaram-se com a MúsicaRaiz Brasileira, não só com Pedro Bento e Zé da Estrada, mas também comoutras duplas tais como Belmonte e Amaraí e "Milionário e JoséRico", esses últimos tendo gravado não apenas versões, mas tambémcomposições próprias nos Ritmos Mexicanos.

Sob esse prisma, Tibagi eMiltinho também estão entre as principais duplas ligadas à"renovação" e à "modernização" da Música Sertaneja, tendointroduzido Guitarras e Orquestras em seus arranjos, sem, no entanto ferir oestilo.
E, juntamente com osprecursores Pedro Bento e Zé da Estrada, a dupla também é considerada comogrande pioneira da fusão dos Estilos Sertanejos do Brasil e do México, o quepode ser notado, por exemplo, na interpretação de "Passarinho do PeitoAmarelo" (Gorrioncillo Pecho Amarillo) (Tomáz Mendez - versão: MiltinhoRodrigues).
O estilo de Tibagi eMiltinho exerceu influência em várias outras duplas, dentre as quais, a jámencionada Belmonte e Amaraí, além de Léo Canhoto e Robertinho e"Chitãozinho e Xororó".
Dentre seus diversossucessos, merecem destaque "Cu Cu Ru Cu Cu Paloma" (Tomás Mendez),"Pombinha Branca" ("Vola Colomba") (C. Concina - B.Cherubini - versão: Miltinho), "Noite Fria" (Miltinho - OrlandoGomes) (a Música cujo trecho o Apreciador ouve ao acessar essa página), "OApito do Trem" (Miltinho Rodrigues - Benedito Seviero), "LembrançasDe Amor" (Miltinho Rodrigues - Orlando Gomes), "Voltei Coxim"(Zacarias Mourão), "Pé de Cedro" (Zacarias Mourão) e "Céu deMato Grosso" (Orlando Ribeiro - Dino Franco), apenas para citaralgumas.
E, no ano de 1970, adupla se separou e Tibagi passou a gravar com Amarai (o mesmo quehavia feito a excelente dupla com Belmonte). Miltinho por sua vez chegou aformar dupla com Belmonte e mais tarde seguiu carreira - solo com o nomeartístico de Miltinho Rodrigues. Houve, portanto, a curiosa "troca totalde duplas" entre Belmonte e Amaraí e "Tibagi eMiltinho" e foram gravados também alguns LPs pelas duplas "Belmonte eMiltinho" (foto à esquerda) e "Tibagi e Amaraí".
Tibagi também formoudupla com Niltinho, sendo que a dupla "Tibagi e Niltinho" gravou 4LPs entre 1967 e 1978.
Pouquíssimo se sabe sobre o parceiro Niltinho,seu "Nome de Batismo" é Mauro Ozelim e ele residia em São Sebastiãodo Paraíso - MG. Alguns CDs de coletânea, lamentavelmente, contêm "errosgráficos" que deixam dúvidas se a respectiva gravação foi feita pela dupla"Tibagi e Miltinho" ou "Tibagi e Niltinho".
o saudoso Maurinhocomeçou sua trajetória em São Sebastião do Paraíso - MG, cantando com opedreiro Nino (naquela época as Duplas se apresentavam na ZYA4 - Rádio DifusoraParaisense).
Cantou também com umsobrinho dele, Toninho Fernandes. Depois ele gravou com outro Artistaparaisense, o Correto ('Silêncio De Um Amor' era o nome do primeirocompacto duplo deles).
Maurinho foi então paraSão Paulo-SP, onde cantou com Tibagi durante alguns anos (Valdeci era oAcordeonista da Dupla 'Tibagi e Niltinho').
Houve uma época, emque Belmonte e Amaraí estavam separados e Maurinho fez vários shows comBelmonte e, quando estavam selando uma parceria para Dupla, ocorreu oacidente com Belmonte. “
Amaraí (que tambémmora em São Sebastião do Paraíso - MG), lembra que também fez vários shows comMaurinho. Maurinho gravou discos também com Amir (a Dupla 'Amir eMaurinho') e Marcelo (irmão de Leo Canhoto e Robertinho - oSanfoneiro era o Paganini)
Maurinho faleceu aos 37anos, em 1981, de infarto.
Tinha uma vida de poucoscuidados com a saúde, mas sua lembrança é a de muita alegria e vontade deviver.
Nas festas familiares,nos finais de ano, nas pescarias, sempre ele animava... “
Dentre os diversossucessos de Tibagi e Niltinho, merecem destaque "Saudade de MinhaTerra" (Goiá - Belmonte), "Lágrimas de Quem Ama" (RobertoStanganelli - Roberto Fioravanti), "Venci o Mal" (Roberto Stanganelli- Roberto Nunes), "Esquina do Adeus" (Goiá - Amir), "BeijinhoDoce" (Nhô Pai), "Mágoas de Boiadeiro" (Índio Vago - NonôBasílio), "Rosas Vermelhas Para a Moça Bonita" (Roberto Stanganelli -Italúcia), "Meu Passado" (Roberto Stanganelli - Rodolfo Vila),"Esqueça Coração" (Roberto Stanganelli - Roberto Nunes) e"Primeiro a Esposa Depois a Amante" (Roberto Stanganelli - RobertoNunes), apenas para citar algumas.
Entre 1976 e 1978, poroutro lado, Miltinho Rodrigues largou temporariamente a carreira artística efoi trabalhar como publicitário em Goiânia-GO, sua cidade-natal. E, em 1979,foi convidado para algumas apresentações juntamente com o Trio Parada Dura, emcircos, teatros e feiras diversas. Miltinho continua "na estrada"seguindo carreira - solo, relembrando principalmente os sucessos da dupla comTibagi.
Miltinho Rodrigues em2004 no excelente programa "Viola Minha Viola" que vai ao ar nasnoites de Sábado, com reprise nas manhãs de Domingo pela TVCultura de São Paulo-SP, apresentado pela"madrinha" Inezita Barroso.
E, "paraconfundir mais ainda as misturas de nomes de duplas" MiltinhoRodrigues formou uma dupla com Thivagy: A dupla "Miltinho Rodrigues eThivagy" que gravou em 1995 o LP "Traço De Giz" (10.007) pelagravadora Sol Maior, com repertório que reúne outros estilos além do CaipiraRaiz, com destaque para "Meus Tempos de Criança" (Ataulfo Alves),"Passarinho do Peito Amarelo" ("Gorrioncillo PechoAmarillo") (Tomáz Mendez - versão: Miltinho Rodrigues) e "GoiâniaQuerida Goiânia" (Miltinho Rodrigues), dentre outras.





Marlon & Maicon

Marlon& Maicon é uma dupla de música sertaneja brasileira formadapelos irmãos Marlon Fabrício de Oliveira (Criciúma, 7 de dezembro de 1977) e MaiconFábio de Oliveira (Criciúma, 5 de junho de 1979).
O sonho começou a virarrealidade em 1985, quando a dupla gravou uma participação especial nodisco da dupla, Luiz e Isaac, pai e tio dos meninos, na música, Obrigado aMentir.
Em 1985, depois departiciparem de vários festivais e shows, decidiram que era a hora de ir atrásdo sonho. Foram para o Rio de Janeiro onde gravaram um CD demo que teve comotítulo A Cara do País.
Eles também forampara São Paulo, na intenção de mostrar seu trabalho para alguém do mercadomusical que pudesse de alguma forma, ajudá-los. Em janeiro de 2000 Tom Gomes,que acreditou no potencial da dupla e vestiu a camisa por esse sonho, levou umprojeto piloto para os diretores da gravadora Indie Record que contrataramimediatamente a dupla. Porém, uma semana antes de entrarem no estúdio, em 8 dejunho de 2000, um acidente automobilístico grave em Gramado, no RioGrande do Sul, quase tira a vida de Maicon e adia temporariamente o sonho.
As gravações ocorreramdurante o processo de recuperação de Maicon. Em uma entrevista, Maicon chegou adeclarar que pedia para a luz do estúdio ser apagada, para que sua expressão dedor não fosse vista.Um dia,no estúdio,as luzes foram apagadas para que agravação ocorresse.Logo depois,quando foram acesas novamente,Maicon haviadesaparecido.Foi encontrado caído no chão da sala de gravação,sentindo muitasdores resultantes do acidente.
A primeira música de trabalho,que deveria ter sido lançada em novembro de 2000, só foi ser lançada em abrilde 2001.
Em 2001 a dupla lança seu1° CD com a música Por Te Amar Assim, que foi sucesso imediato em todo opaís, sendo a segunda música mais tocada no ano, rendendo a dupla um disco deouro, um disco de platina e a indicação ao Grammy Latino de melhor álbum sertanejo,além da popularidade em todos os cantos do país. Realizaram centenas de shows.A segunda música de trabalho foi Tá na Cara. Também gravaram uma versãode Gianluca Grignani: A Minha História; Donato e Estefano: TudoMe Lembra Você; um sucesso de Pepeu Gomes e Baby Consuelo: Mil eUma Noites de Amor e pelo menos duas músicas de Cristian Castro: Porte Amar Assim (Por Amarte Así) e Eu Preciso Dizer que Não (Si Me VesLlorar Por Ti).
Em 2002 gravaram seu 2°CD: Tudo Azul.
Te Peço FicaComigo foi a música de trabalho que alcançou maior sucesso desse disco eaumentou ainda mais a popularidade da dupla. A segunda música de divulgaçãofoi Rezo.
Gravaram versões de diversossucessos internacionais como "Romance Rosa" de Juan Luis Guerra;"Não Te Amar é Impossível",do cantor Eros Ramazotti e"Como Curar a Ferida", uma música da cantora e evangelistanorte-americana Jaci Velásquez. Destaque para as faixas Podia SerVocê e Olhos Verdes Azuis. A terceira faixa a ser trabalhadafoi Você Nasceu Pra Mim composta por Maicon e lançada em 30 deoutubro de 2002. Em dezembro, a adversidade bateu à porta dos garotos.
O mestre e amigo, o amadopai, adoece e vêm a falecer no dia do próprio aniversário, 13 de dezembro,quando completaria 49 anos.
Em homenagem ao pai, adupla grava seu 3º disco: Sempre Amei Você, que é cantada pela dupla emparceria com o próprio pai, que gravou essa música dois dias antes de adoecerna sua cidade natal(Criciúma-SC).Esse disco foi lançado em 2003 e teve como música de trabalho Você vai seArrepender. Produzido por Lucas Robles, contou com belos arranjos musicais emmúsicas como Na Minha Frentee Chuva no Deserto.
Regravou um sucesso docantor Wando, Chora Coração. E também gravaram versões de "RockAnd Roll Lullaby" de B. J. Thomas, que foi lançada pela dupla naRádio Nativa FM de São Paulo; "Quando a Noite Cai" (Every BreathYou Take) da banda The Police e "Dizer Adeus" (Decir Adiós)de Carlos Ponce.
Em 2004 lançaram mais umdisco, com grandes sucessos, e com a participação especial de Robin Gibb do BeeGees na canção Tantas Palavras. Esse disco rendeu dois sucessosemplacados em novelas da Rede Globo: Sem Palavras - Cabocla em 2004 e CoraçãoAventureiro - América em 2005.
Ainda fizeram umaparticipação especial na novela América como ele mesmos e cantando"Coração Aventureiro". Regravaram as músicas: Qualquer Jeito(Não Está Sendo Fácil) do "Rei" Roberto Carlos e Felicidade docantor Fabio Junior.
Destaque para ascanções: Deu Saudade, a preferida de Maicon, e Vou te Esperar.
Depois de dois anos,Marlon e Maicon lançam um novo cd: Ao Vivo e Acústico.
Um trabalho que traz seusmaiores sucessos, gravados com novos arranjos e muito mais maduro.
Esse álbum traz algumascanções inéditas e a regravação da canção Frisson de Tunai egravaram uma versão para a música Te Dedico Essa Canção (Una Canción ParaTi) do cantor Cristian Castro que ganhou espaço em váriosprogramas de TV. A segunda música de trabalho foi Agora que Eu Mudei.
Destaque para afaixa Eu Sempre Vou Voltar.
Em 2008, lançou novoálbum chamado Uma Lenda.
Com 14 faixas e com novaroupagem, ele foi produzido por Marlon e Gabriel Jacob e com a DireçãoArtística de Maicon. Antes do lançamento nesse cd, a música SerFeliz já fazia sucesso no programa O Melhor do Brasil, na Rede Record.
O álbum traz regravaçõescomo Amor Eterno e Trato é Trato. Destaque para asfaixas Ainda Dá Tempo e Seu motivo.
O sexto trabalho traz 11composições assinadas pela dupla, identidade própria, E o desejo de mostrar queaprenderam muito e estão dispostos à alcançar novos horizontes com o talento ea musicalidade que Marlon e Maicon têm. O single Azar o Seu, foi lançado emOutubro de 2009.
E já em 2010 veio PraSempre versão de "Forever”, da banda Kiss.
No mesmo anoveio Não Quero Perder Nada, versão da música I Don't Want To Miss aThing, do grupo Aerosmith.
Foram os que maisgravaram versões de canções do mexicano Cristian Castro: quatro, no total.
Foram elas, Por Te AmarAssim (versão de Por Amarte Así), Eu Preciso Dizer Que Não (Si Me Ves LlorarPor Ti), Te Dedico Essa Canção (Una Canción Para Ti) e Amor Eterno. Tambémgravaram versões de cantores latinos como Juan Luiz Guerra (RomanceRosa, versão de Bachata Rosa) e Carlos Ponce (Rezo e Dizer Adeus, versãode Decir Adios).
Para 2011, será lançadoum DVD comemorativo pelos 10 anos do sucesso de POR TE AMAR ASSIM.



Raphael e Marco

Raphael & Marcocomeçaram na carreira musical bem cedo. Tocavam e cantavam com seu pai, Marco Aurélio“ O Repentista”, que também é músico, acompanhando-o em shows e bailes noestado do Rio Grande do Sul. Raphael permaneceu cantando ao lado do pai por,pelo menos, 10 anos enquanto Marco, no mesmo período, trabalhava comoguitarrista em bandas da região, em estúdios de gravação e estudava música.Marco torna-se um músico completo com aperfeiçoado conhecimento teórico que,aplicado na prática, deslumbra quem ouve. Após alto nível de estudo em técnica vocal,amadurecidos na carreira profissional, Raphael & Marco resolvem, no ano de2009, formar uma dupla sertaneja e começam os preparativos escolhendo repertório,ensaiando a banda, etc.
No ano de 2010, já com a música de trabalho, “Te Amar Não Valeu”, lançada, adupla é convidada para participar da Festa Nacional da Música, realizada nacidade de Canela, RS. Na festa, os meninos puderam estar entre os maiores nomesda música brasileira, fazendo contatos importantíssimos no intuito de alavancara carreira da dupla. Lá, são convidados para a inauguração do museu nacional damúsica, na cidade de Canela, e são os únicos artistas a se apresentar noevento. A dupla aparece em uma matéria de meia página na revista da FestaNacional da Música 2010.
Raphael & Marco participaram, também, da maioria das festas realizadas pelarádio Farroupilha, pertencente ao grupo RBS, no ano de 2010 e participaram dediversos programas de rádio e TV afim de divulgar ainda mais seu trabalho. Nomesmo ano, a dupla já anima festas nas maiores casas noturnas de Porto Alegre eregião.
Já em 2011 a dupla viaja para o noroeste catarinense e para o sudoesteparanaense pra divulgar seu trabalho nas emissoras de rádio e TV local.
Em duas viagens, adupla, já com 5 canções lançadas, tem suas músicas entre as mais tocadas nasmaiores rádios da região e uma popularidade gigantesca.
Após emplacar os sucessos “Te Amar Não Valeu”, “Amo Demais” e a divertidíssima“Eu Não Faço Pescaria”, a dupla prepara o lançamento do primeiro CD comprevisão de lançamento para o primeiro semestre de 2011.

Jorge e Mateus
Responsáveispor algumas das levadas mais animadas do sertanejo
universitário, como "Pode Chorar","De Tanto Te Querer", "Voa Beija
Flor", "Querendo Te Amar", "AmoNoite E Dia", entre outras, os goianos Jorge
& Mateus, da cidade de Itumbiara, interiorde Goiás, ganharam projeção
nacional e, hoje, são considerados uma dasprincipais duplas sertanejas do
Brasil.
Foi através de um amigo em comum, em 2005, queJorge, estudante
de Direito que participava sozinho, de muitosfestivais de música, e Mateus, quecursava agronomia e que também se apresentava em festas e festivais de música.
Tiverama oportunidade de cantarem juntos em um churrasco de amigos.
Asintonia foi tão forte, que os músicos passaram a fazer shows como
dupla. A primeira apresentação foi em 26 de maiode 2005, numa boate da
cidade de Itumbiara para um públicouniversitário.
Após o primeiro show, Jorge & Mateusresolveram gravar um CD
independente, na garagem da casa de Mateus, comalgumas composições
próprias e novas roupagens de clássicos damúsica sertaneja. O repertório
agradou e a agenda de apresentações aumentou.Com isso, a gravadora
Universal Music ficou conhecendo o trabalho dadupla e, em 2007, resultou na
gravação do CD e DVD "Ao Vivo EmGoiânia".
A repercussão do "Ao Vivo Em Goiânia",produzido por Pinócchio e com
a direção de áudio de Ivan Miazato, foi tãoimediata, que a dupla, além de ver
o seu primeiro grande sucesso, a canção"Pode Chorar', estourar por todo o
Brasil, ganhou disco de ouro. Os versos"pode chorar, mas eu não volto pra
você/ pode chorar, você não vai me convencer/pode chorar, você se lembra
o quanto eu chorei por você?”logo caíram nogosto dos fãs de sertanejo
universitário.
A história da dupla foi se construindo e, em2008, mais uma surpresa
agradável: a música "De Tanto Te Querer',também do CD "Ao Vivo Em
Goiânia", foi escolhida para ser trilhasonora da novela global "A Favorita". A
canção passou a fazer parte da programação dequase todas as rádios do
Brasil.
Neste mesmo ano, em 2008, Jorge & Mateusalcançaram um ineditismo
com o projeto chamado "Jorge & MateusElétrico": misturando axé e música
pop ao sertanejo, a dupla lançou a micaretasertaneja. Os goianos passaram
a se apresentar no carnaval de Salvador, sendo aprimeira dupla sertaneja a
conseguir tal feito.
Com um espaço conquistado no mercadofonográfico, em 2009, também
pela gravadora Universal, com produção dePinócchio e direção de vídeo de
Anselmo Troncoso, a dupla lançou o segundo CD eDVD, "O Mundo É Tão
Pequeno". E, através dos grandes sucessosdeste CD e DVD como "Voa Beija
Flor", "Vou Fazer Pirraça" e'Mistérios", Jorge & Mateus conquistaram disco de
platina pelas 50 mil cópias vendidas.
O ano de 2009 foi muito importante para Jorge& Mateus, época que
conseguiram vários feitos: emplacaram turnêinternacional, fizeram três shows
nos Estados Unidos; participaram pela primeiravez de um cruzeiro temático
de música sertaneja, que teve a sua lotaçãoesgotada 15 dias antes de sair
do porto; reuniram um público de 40 mil pessoasem uma apresentação em
Goiânia, que foi transmitida ao vivo pelotwitter e gravada pelo canal Multishow
em High Definition, sendo o primeiro de umadupla sertaneja a ser compilado
nesse formato.
Com dois CDs e DVDs gravados e uma bem sucedidaturnê
pelos Estados Unidos, a dupla decidiu abraçar,em 2010, mais desafios
internacionais. Jorge & Mateus fizeram seusprimeiros shows na Europa
(Londres, Amsterdam, Bruxelas e Lisboa), ondeforam aclamados pelo público,
além de voltarem com duas mini-temporadas paraos Estados Unidos. E,
também neste mesmo ano, lançaram o CD e DVD"Ao Vivo e Sem Cortes" e o
CD "Aí Já Era".
O "Ao Vivo e Sem Cortes", sem queninguém soubesse (público e
artistas), é uma gravação de um show completoque aconteceu em Goiânia.
O espetáculo virou CD e DVD. São 20 canções,sendo que cinco são autorais
da dupla, entre elas "Querendo Te Amar"e "Goiânia Me Espera", uma
homenagem à cidade que abrigou os cantoresdepois que saíram de Itumbiara.
"Aí Já Era", produzido por Jorge &Mateus e Dudu Borges, é o atual
álbum de trabalho da dupla e já garantiu osegundo disco de ouro. Hoje,
as músicas "Amo Noite E Dia", "MilAnos", "Tempo Ao Tempo", "Aí Já Era"
e "Chove" são destaques das principaisrádios do país.
Acompanhados por Juliano Gomes (bateria), LuizHenrique Silva
(guitarra e violão), Alfredo Liduário (guitarra),Ekton Silva (percussão), Leomar
da Silva (baixo), Marciano Santos (teclado),Reniones Dias (sanfona) e
Alexandre Alves e Neuliene Marques (vocais),Jorge & Mateus, com seis anos
de carreira marcada por grandes sucessos, seguemcom a promessa de levar
o seu show para muitas cidades do Brasil.


























Nenhum comentário:

Postar um comentário