Total de visualizações de página

Quer sua Biografia aqui = escreva a sua e envie pelo contato que se encontra em baixo. 

R

R-Sertaneja sempre ligada a Melhor Rádio de se Ouvir.

domingo, 18 de janeiro de 2015

Zé Rubens e Guilherme

Zé Rubens e Guilherme
Em 2008 Zé Rubens e Guilherme decidiram assumir profissionalmente a dupla, mesmo com suas carreiras em plena ascensão um como empresário e outro como engenheiro, querem se dedicar muito a música que é uma paixão e um estilo de vida.
José Rubens Caninéo, nascido em 28 de novembro 1983 natural de Taubaté. Empresário em sua cidade começou a cantar os 15 anos, sempre gostou da música sertaneja raiz como: Tião Carreiro e Pardinho, Chitãozinho e Xororó, Sergio Reis e outros.
O gosto pela música ficou ainda mais forte quando começou a arriscar a compor suas músicas, muitos elogios despertaram então a formação da dupla com um grande amigo e companheiro de muitas rodas de viola.


Guilherme Del Nero Fiorellini, nascido em 29 de março 1985 natural de Piracaia. Engenheiro ambiental começou a cantar aos 6 anos, nascido e criado no sítio, sempre envolvido pela música raiz. A vida no campo e a moda de viola balançaram seu coração e despertaram sua paixão pela música. Quando chegou a Taubaté para cursar a faculdade conheceu Zé Rubens e se rendeu de vez à viola.
Em 2004 formou a dupla com Zé Rubens para cantar em rodas de amigos, em seus frequentes churrascos...
No dia 23 de Outubro/2010, no Clube de Campo Piracaiense, aconteceu o show de lançamento do CD RECADO DA LUA - Zé Rubens e Guilherme agitaram a cidade com um público de aproximadamente 1500 pessoas, entre elas muitos amigos, empresários do meio artístico, celebridades, e outras duplas sertanejas.
A dupla subiu ao palco com a participação do maestro Mário Campanha que é produtor musical da dupla, com As Galvão que com muita simpatia cantaram alguns de seus sucessos e também com a dupla sertaneja infantil Luis Fernando e Gustavo.

Bonni e Belluco
Alessandro Oliveira (Bonni), nasceu em Brasília-DF e começou a cantar muito cedo. Aos 10 (dez) anos de idade aprendeu a tocar violão, presente dado por uma amiga de sua mãe.
Filho de Princesa da dupla sertaneja "Princesa e Paloma". Bonni seguiu os passos da mãe e da tia e ainda pequeno cantava nos intervalos dos shows da família. Dali em diante não parou mais, o talento e a vocação pela música falaram mais alto, dando a Bonni até aqui, dezesseis anos de carreira.
BONI por ele mesmo...
Nome: Alessandro de Oliveira Nascido: 7/10/1976 - SOBRADINHO BRASÍLIA/DF
Filiação: Maria de Lourdes de Oliveira
"Nasci em Sobradinho Brasília, cresci ouvindo musica sertaneja e aos seis anos de idade com influência da minha mãe e dos meus tios comecei a mostrar o meu dom pela música, me lembro que aos dez anos ganhei um violão da Márcia uma amiga antiga da família e daí por diante não pare mais de cantar nos bares de Planaltina de Goiás juntamente com o meu tio João de Oliveira e aos doze anos comecei a cantar e tocar nos intervalos das apresentações dos meus primos Márcio e Marcelo também em Planaltina. Aos quatorze anos conheci Antônio Marcelo de Paiva e formamos a dupla “Alex e Alessandro” e começamos a tocar em festas e bares o que nos deixou bastante conhecidos na região. Em 1998 conheci Rinaldo Micali (empresário), que nos levou para morar em São Paulo a onde gravamos o CD “Perdido de Amor” e que com grande satisfação nos resultou a um contrato com a Gravadora Som- Livre, na qual solicitaram a mudança do nome da dupla para Marcelo e Alessandro; nessa época tivemos a felicidade de apresentamos nas principais feiras agropecuária do pais, programas de TV e rádio. Em 2002 eu e meu parceiro voltamos para Brasília e gravamos o CD “E Amor” e a nossa parceria chegou ao fim em 2004. Em 2005 optei pela carreira solo a onde gravei um CD no ano de 2006 com o apoio da Secretária de Cultura do DF que foi bem aceito em Brasília e região. No ano de 2007 fui apresentado ao Belluco por uma amiga em comum e formamos assim a dupla Bonni e Belluco que na época era representado pelo empresário Flávio Queiroz daí para frente começamos a cantar em casas de shows, abertura de feiras agropecuária e logo em seguida fui novamente para São Paulo, porém o meu novo e atual parceiro Belluco para gravamos o hit “ CAPITAL SERTANEJA” (composta por Belluco), na qual teve uma grande aceitação nas rádios de Brasília e região e demais seguimentos, sendo assim, resolvemos gravar um CD a onde o local escolhido por nós foi o “Bexiga” um bar que se localiza em Brasília. Em 2008 veio à nossa parceria com “Alexandre Gibson e Gilberto Carvalho (empresários), na qual estamos juntos com o mais novo CD da dupla Bonni e Belluco que a meu ver somaremos um resultado mais que positivo”.
Rodrigo Belluco (Belluco), também nasceu em Brasília e desde pequeno influenciado por seu pai, começou a cantar as primeiras canções sertanejas. Cantor e compositor, Belluco tem várias de suas músicas gravadas por outros artistas. Em oito anos de estrada, cantou na noite de São Paulo e participou de vários outros projetos tendo como maior deles as eliminatórias do programa FAMa da TV Globo, onde se destacou.
BELLUCO por ele mesmo...
"Nome: Rodrigo Belluco da Costa Nascimento: 27/ Setembro/1981 BRASÍLIA
Filiação: Renato Bueno da Costa Cláudia Guimarães Belluco da Costa
Biografia: Nasci em Brasília e desde pequeno por influência do meu pai e do meu avô comecei a ouvir a cantar as primeiras músicas sertanejas.Lembro que meu avô tinha um sítio perto de Brasília e nos fins de semana meu pai nos levava ao sítio e durante o caminho, no som do carro ,ele mostrava a mim e ao meu irmão Renato Júnior as músicas e nos falava das duplas que estavam naquele momento cantando. Eu devia ter uns três anos quando segundo meu pai comecei a cantar e a pedir para então ouvir aquelas músicas. A influência sertaneja se deve ao fato de minha família ter origem mineira da cidade de Patos de Minas onde eu passava férias e visitava constantemente meus avós. Antes de cantar profissionalmente o esporte fez parte da minha vida. Fui jogador de basquete por doze anos e a disciplina,trabalho em grupo e respeito ao próximo aprendidos no esporte são fundamentais hoje na música. Música: Em 1999 na cidade de Patos de Minas formei a minha primeira dupla que se chamava Brenno e Belluco. Foi uma escola pra mim pois o Brenno é filho e sobrinho de Osmano e Manito que me ensinaram muito do pouco que sei. A dupla acabou quando em 2003 decidi tentar a sorte e a vida em São Paulo. Lembro que Brenno não quis ir pra São Paulo e por isso a dupla não deu certo. Chegando em São Paulo começou realmente a minha luta e formação musical. Cantei na noite paulistana durante quatro anos onde aprendi muito e fiz amigos fundamentais na minha vida. Nessa época também comecei a compor e aos poucos minhas músicas começaram a serem gravadas por alguns amigos artistas ,principalmente os nordestinos, Limão com Mel, Aviões do Forró, Trio Nordestino e a dupla Mauricio e Mauri. Em 2005 fui um dos finalistas das eliminatórias do programa FAMA da TV globo.Fui eliminado, hoje digo Graças a Deus mas lembro que fiquei bastante triste e cheio de dúvidas sobre essa profissão na época. Lembro que quando fui eliminado recebi alguns convites para fazer o jornal local da globo e foi aí através de um amigo em comum que conheci o Bonni, na época Alessandro. Ele foi me acompanhar em um desses programas, enfim. Em 2006 recebi um convite pra formar uma dupla de forró no nordeste,aceitei e fui morar em Aracaju SE onde fiquei por oito meses com a dupla Johnny e Belluco, Johnny um ex integrante da consagrada banda Limão com Mel. Mas uma escola e mais um projeto que infelizmente não deu certo. No início de 2007 recebi um outro convite para ir pra Fortaleza onde iria fazer parte de um outro projeto de forró com Isaías Cds empresário e proprietário do grupo Aviões do Forró. Depois de um tempo vi que não seria feliz cantando forró e decidi voltar pra Brasília. Quinze dias após chegar de Fortaleza fiquei sabendo que o Bonni havia separado a dupla e estava cantando sozinho. Coisas do destino, formamos a dupla, escolhemos o nome e hoje graças a Deus fazemos o que realmente amamos que é cantar e representar a nossa música sertaneja. Gilbertão e Flavinho Queiroz nos fizeram chegar ao Gibson e seja o que Deus quiser.rs"
Segundo a dupla, a música sertaneja universitária:
"...não chega a ser um movimento e sim mais um processo evolutivo da música sertaneja. A música sertaneja deixou de ser uma coisa só do campo e ganhou também a cidade grande. O público passou a ser também universitários. Músicas alegres e regravações com outras roupagens ganharam de vez o coração dos jovens e caíram no gosto dessa moçada mais jovem, por isso o nome sertanejo universitário".

Em setembro de 2008 a banda esteve em Londres e disseram que a experiência foi maravilhosa. Os brasileiros que moram lá os receberam de braços abertos e cantaram o tempo inteiro com eles, que ficaram emocionados e honrados pela oportunidade de levar um pouquinho do Brasil pra eles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário